Obrigado Catarina!

*
*

*
*

Acontecimentos catastróficos

*

Acontecimentos catastróficos

A inversão da onda em direcção à costa Brasileira
(Visões da Idalina F. Oliveira – Portugal)

Depois de passar a ilha da Madeira a onda inverterá a sua direcção e dirigir-se-á de novo para o atlântico sul, mas desta vez para a costa americana. Começará a sua devastação na costa do Brasil a partir da latitude de Belo Horizonte, na região do Estado Federal do Espirito Santo. Toda esta costa brasileira será duramente atingida, mas não atingirá a cidade de São Paulo. Esta vaga de acontecimentos catastróficos irá terminará no paralelo 28 Sul no Estado de Santa Catarina. O Uruguai não sofrerá muito com este cataclismo.
*
Caro visitante,
Você se interessa por este tipo de notícia e/ou informação?
Escreva-me e te enviarei na íntegra, o arquivo DOC.
Fraternalmente,
Leal – aprendiz em todas as instâncias da Vida
ep-leal@uol.com.br
*

Espiritismo é razão

*

Jornada de Cultura Espírita – Portugal

Espíritas de todo Portugal e cientistas convidados debateram em Óbidos os factos espíritas e a continuidade da vida para além da morte. O evento ocorreu nos dias 1 e 2 de Maio, pelo 5º ano consecutivo, com casa cheia.

As Jornadas de Cultura Espírita, inicialmente criadas para serem um espaço de debate entre as gentes do Oeste, logo no 1º ano se transformaram num evento nacional de grande procura.

Organizadas pelos espíritas caldenses, estas Jornadas transformaram-se num espaço cultural aberto, de debate, diálogo entre espíritas e cientistas (alguns espíritas outros não espíritas) bem como médicos e psicólogos convidados.
De realçar que a Doutrina Espírita ou Espiritismo não é mais uma seita ou mais uma religião, sendo antes um conjunto de ideias que, se aplicadas no quotidiano, tornam o homem mais espiritualizado, aproximando-o assim mais de Deus.

A espiritualidade e a ciência estiveram de mãos dadas.

A abertura foi com a conferência do neuropsicólogo Manuel Domingos, sobre as Experiências de Quase-Morte em Portugal, relatando os seus casos com os seus pacientes, cativando as 200 pessoas que se deslocaram de todas as partes de Portugal até Óbidos, de Bragança, a Angra do Heroísmo, passando por localidades no Algarve, Norte e Centro do país.

Após o debate que se seguiu à conferência, Thomas Bakk deu aos presentes grande lição de vida, encantando o auditório com as suas histórias bem dispostas e com grande profundidade moral, apesar de arrancarem sonoras gargalhadas que deixaram no ar um ambiente de boa disposição.

No dia seguinte decorreu a palestra de Vasco Marques sobre “Espiritismo e a Internet”. Ulisses Lopes, presidente da Associação de Divulgadores de Espiritismo de Portugal (ADEP) e director do Jornal de Espiritismo, “sacudiu” os presentes falando dos fenómenos espíritas e das suas consequências morais, referindo que o fenómeno mais importante geralmente é menosprezado – o fenómeno da transformação interior do ser humano.

Jorge Gomes falou das relações interpessoais, fazendo o paralelismo com o mundo animal, alertando para a necessidade da tolerância mútua, compreensão, aceitação, num mundo em mudança, onde os valores ético-morais devem ser reinvestidos. Eugénia Rodrigues apresentou um caso pesquisado pela Associação Sociocultural Espírita de Braga, onde através da mediunidade (faculdade que permite ao ser humano percepcionar o mundo espiritual) de várias pessoas, durante um curso de educação da mediunidade, se conseguiu identificar, factualmente, um caso de reencarnação. “Os factos espíritas são inquestionáveis: compete à ciência oficial confirmá-los ou desmenti-los”, foi afirmado.

A parte da tarde estava destinada a José Lucas, que apresentou alguns factos espíritas acontecidos em Portugal, Noémia Margarido (administradora do Jornal de Espiritismo) que enfatizou os factos espíritas nas reuniões de educação da mediunidade, bem como a Vítor Rodrigues, doutorado em Psicologia, que, não sendo espírita, fez uma abordagem da vida para além da morte. Gláucia Lima, psiquiatra, apresentou factos espíritas que acontecem nas regressões de memória, com um caso real, que conseguiu prender os presentes até ao último minuto. Reinaldo Barros fez a conclusão/resumo dos trabalhos apresentados, a que juntou as suas músicas, após breve intervenção de Xavier de Almeida (presidente da mesa da Assembleia Geral da ADEP), que sublinhou a importância da Doutrina Espírita, como meio da humanidade se espiritualizar e aproximar de Deus.

Este evento foi transmitido via Internet para todo o mundo, gratuitamente, ficando disponível em breve em http://www.adeportugal.org.
Os 200 congressistas saíram satisfeitos, apelando à continuidade das Jornadas no próximo ano.

O evento teve o apoio da Óbidos Patrimonium, Jornal das Caldas, Jornal Mais Oeste, 94.8FM, Laboratórios de Análises Clínicas Virgílio Roldão, Loukomotiv (Braga), entre outras entidades particulares e públicas.
*
Fonte:
http://www.jornaldascaldas.com/index.php/2009/05/06/espiritas-e-cientistas-em-obidos/
*

Médicos e Espíritas

*

Médicos e Espíritas
Portugal

Médicos e espíritas: Imortalidade em Óbidos

22 Abril 2009
Óbidos, Auditório “A Casa da Música”, 1 e 2 de Maio. Este será o palco das Jornadas de Cultura Espírita, na sua 6ª edição. Médicos, psicólogos e espíritas vão debater os “Factos Espíritas” bem como a vida para além da morte, num programa recheado de pesquisa, filosofia, moral e arte.

Organizadas pelos espíritas caldenses, estas Jornadas têm marcado um espaço próprio, todos os anos, na dinâmica cultural da sociedade local. Sem qualquer objectivo proselitista, as Jornadas de Cultura Espírita, abertas a quem desejar participar, destinam–se à discussão da imortalidade do Espírito. Este ano, tendo como tema central “A Vida Continua: Factos Espíritas”, este evento terá uma figura de peso na abertura: nada mais, nada menos, do que Manuel Domingos, psicólogo e neurocientista, que embora não sendo espírita, foi convidado para abordar a temática “Factos Espíritas nas Experiências de Quase-Morte”.

Com um naipe de convidados, como a psiquiatra Gláucia Lima e Vítor Rodrigues (psicólogo e presidente da ALUBRAT), para além dos conferencistas Eugénia Rodrigues, Jorge Gomes, Noémia Margarido, Ulisses Lopes, Vasco Marques, Reinaldo Barros e José Lucas, este evento contará ainda com música, poesia e um serão cultural com Thomas Back, “O Senhor dos Cordéis”, licenciado em Arte Dramática.

De realçar que, até ao momento, encontram-se inscritas pessoas de Angra do Heroísmo, nos Açores, Bragança, Faro, percorrendo um pouco todo o país, encontrando-se o auditório praticamente esgotado, com poucos lugares disponíveis.

Conversando com um dos elementos da comissão organizadora, João Eduardo Mouro, este referia que este evento é fruto da carolice dos espíritas, apesar da qualidade do mesmo, que conta com o apoio da rádio 94.8 FM, Jornal das Caldas, Jornal Mais Oeste, Laboratórios de Análises Clínicas António Roldão, para além do apoio da Câmara Municipal de Óbidos e de Ricardo Ribeiro, administrador da Óbidos Patrimonium.
Cerca de 200 pessoas irão estar presentes em Óbidos, neste fim-de-semana prolongado, apontando o estudo, pesquisa, o debate aberto e pluricultural como caminho inevitável para o bem-estar social e interpessoal.

Quem desejar mais informações poderá consultar a página na Internet em http://www.adeportugal.org/jornadas ou pelo tlm. 962852825.

Os factos espíritas são tão antigos quanto a Humanidade. Hoje, graças à Doutrina Espírita eles são facilmente explicados, demonstrando à humanidade a sua imortalidade, comunicabilidade dos espíritos e a reencarnação. Nascer, morrer, renascer ainda, progredir sem cessar, tal é a lei.

José Lucas
*
Fonte:
http://www.jornaldascaldas.com/index.php/2009/04/22/exposicao-documental/
*

Como Apareceu O Espiritismo?

*

Conferência: Como Apareceu O Espiritismo?

Abril 16th, 2009
Na próxima sexta-feira, pelas 21h00, vai decorrer no Centro de Cultura Espírita, no Bairro das Morenas, nas Caldas da Rainha, uma conferência subordinada ao tema “Como Apareceu O Espiritismo?”.

Numa altura em que se comemora os 152 anos do aparecimento de O Livro dos Espíritos, de Allan Kardec, propõe-se “uma viagem até aos primórdios do Espiritismo, uma doutrina cada vez com mais interesse por parte das pessoas, que buscam novas noções de espiritualidade que as preencham e que venham ao encontro das suas dúvidas existenciais”.
As entradas são livres.
*
Fonte:
http://www.jornaldascaldas.com/index.php/2009/04/16/conferencia-como-apareceu-o-espiritismo/
*