Obediência e resignação

*
*
Link permanente para esta mensagem:___ http://wp.me/p1oMor-cAN
*
*

*
*
Obediência e resignação
*
8. A doutrina de Jesus ensina, em todos os seus pontos, a obediência e a resignação, duas virtudes companheiras da doçura e muito ativas, se bem os homens erradamente as confundam com a negação do sentimento e da vontade.

A obediência é o consentimento da razão; a resignação é o consentimento do coração, forças ativas ambas, porquanto carregam o fardo das provações que a revolta insensata deixa cair.

O pusilânime não pode ser resignado, do mesmo modo que o orgulhoso e o egoísta não podem ser obedientes.

Jesus foi a encarnação dessas virtudes que a antiguidade material desprezava. Ele veio no momento em que a sociedade romana perecia nos desfalecimentos da corrupção.

Veio fazer que, no seio da Humanidade deprimida, brilhassem os triunfos do sacrifico e da renúncia(1) carnal.

Cada época é marcada, assim, com o cunho da virtude ou do vício que a tem de salvar ou perder.

A virtude da vossa geração é a atividade intelectual; seu vicio é a indiferença moral.

Digo, apenas, atividade, porque o gênio se eleva de repente e descobre, por si só, horizontes que a multidão somente mais tarde verá, enquanto que a atividade é a reunião dos esforços de todos para atingir um fim menos brilhante, mas que prova a elevação intelectual de uma época.

Submetei-vos à impulsão que vimos dar aos vossos espíritos; obedecei à grande lei do progresso, que é a palavra da vossa geração.

Ai do espírito preguiçoso, ai daquele que cerra o seu entendimento!

Ai dele! porquanto nós, que somos os guias da Humanidade em marcha, lhe aplicaremos o látego e lhe submeteremos a vontade rebelde, por meio da dupla ação do freio e da espora.

Toda resistência orgulhosa terá de, cedo ou tarde, ser vencida.

Bem-aventurados, no entanto, os que são brandos, pois prestarão dócil ouvido aos ensinos. – Lázaro. (Paris, 1863.)
*
Livro fonte:
O Evangelho Segundo o Espiritismo
*
(1) Nota do Leal: “renúncia” Esta palavra foi utilizada uma única vez dentro do Livro “O Evangelho Segundo o Espiritismo”.
*

Anúncios

Palavras-chaves

*
*

*
*
*
Palavras-Chaves:
*

Alegria
Altruísmo
Amor
Benevolência
Bom Senso
Bondade
Caridade
Compaixão
Compreensão
Conhecimento
Desprendimento
Despretensão
Devoção
Energia
Equilíbrio
Esperança
Ética
Felicidade
Fidelidade
Fraternidade
Harmonia
Honradez
Hospitalidade
Humildade
Igualdade
Indulgência
Integridade
Justiça
Lealdade
Liberdade
Mansuetude
Moderação
Obediência
Prosperidade
Sabedoria
Saúde
Sinceridade
Tranqüilidade
*
Amigo visitante, Salve!
A lista acima está incompleta.
Você pode ajudar?
Aguardo sua manifestação e colaboração.
Muito obrigado.
Leal -71- aprendiz em todas as instâncias da vida
sinapseslinks@gmail.com
*