Educação

*
Link permanente:___ http://wp.me/p1oMor-g0J
*
20130509_Educação
*
Educação
*
Assunto: O valor moral na educação de filhos

A MENTIRA DESCOBERTA – Arun Gandhi

O Dr. Arun Gandhi, neto de Mahatma Gandhi e fundador do Instituto M.K. Gandhi para a Vida Sem Violência, em sua palestra de 9 de junho, na Universidade de Porto Rico, compartilhou a seguinte história como exemplo da vida sem violência exemplificada por seus pais:
“Eu tinha 16 anos e estava vivendo com meus pais no instituto que meu avô havia fundado, a 18 milhas da cidade de Durban, na África do Sul, em meio a plantações de cana de açúcar.

Estávamos bem no interior do país e não tínhamos vizinhos. Assim, sempre nos entusiasmava, às duas irmãs e a mim, poder ir à cidade visitar amigos ou ir ao cinema.

Certo dia, meu pai me pediu que o levasse à cidade para assistir a uma conferência que duraria o dia inteiro, e eu me apressei de imediato diante da oportunidade.

Como iria à cidade, minha mãe deu-me uma lista de coisas do supermercado, as quais necessitava, e como iria passar todo o dia na cidade, meu pai me pediu que me encarregasse de algumas tarefas pendentes, como levar o carro à oficina.

Quando me despedi de meu pai, ele me disse: ‘Nós nos veremos neste local às 5 horas da tarde e retornaremos à casa juntos.’

Após, muito rapidamente, completar todas as tarefas, fui ao cinema mais próximo. Estava tão concentrado no filme, um filme duplo de John Wayne, que me esqueci do tempo. Eram 5:30 horas da tarde, quando me lembrei. Corri à oficina, peguei o carro e corri até onde meu pai estava me esperando. Já eram quase 6 horas da tarde.

Ele me perguntou com ansiedade: ‘Por que chegaste tarde?’ Eu me sentia mal com o fato e não lhe podia dizer que estava assistindo um filme de John Wayne. Então, eu lhe disse que o carro não estava pronto e que tive que esperar… isto eu disse sem saber que meu pai já havia ligado para a oficina.

Quando ele se deu conta de que eu havia mentido, disse-me:
Algo não anda bem na maneira pela qual te tenho educado, que não te tem proporcionado confiança em dizer-me a verdade.

Vou refletir sobre o que fiz de errado contigo. Vou caminhar as 18 milhas ate em casa e pensar sobre isto.

Assim, vestido com seu traje e seus sapatos elegantes, começou a caminhar até à casa, por caminhos que nem estavam asfaltados nem iluminados.

Não podia deixá-lo só. Assim, dirigi por 5 horas e meia atrás dele… vendo meu pai sofrer a agonia de uma mentira estúpida que eu havia dito.

Decidi, desde aquele momento, que nunca mais iria mentir.

Muitas vezes me recordo desse episódio e penso.. Se ele me tivesse castigado do modo que castigamos nossos filhos, teria eu aprendido a lição? Não acredito…

Se tivesse sofrido o castigo, continuaria fazendo o mesmo…

Mas, tal ação de não-violência foi tão forte que a tenho impressa na memória como se fosse ontem…

” Este é o poder da vida sem violência.”

Anúncios

Oração do Sorriso

*
Link permanente para esta mensagem:___ http://wp.me/p1oMor-fie
*
20130206_Mahatma_Gandhi
*
Oração do sorriso

Pega um sorriso, dá de presente a quem nunca o teve.
Pega um raio de sol, faze-o voar lá onde reina a noite.
Descobre uma fonte, faze banhar-se nela quem vive no barro.
Pega uma lágrima, coloca-a no rosto de quem nunca chorou.
Pega a valentia, coloca-a no ânimo de quem não sabe lutar.
Descobre a vida, narra-a a quem não sabe entendê-la.
Pega a esperança, e vive em sua luz.
Pega a bondade, e dá a quem não sabe dar.
Descobre o amor, o faze com que o mundo o conheça.
*
Autoria:
Mahatma Gandhi

Mensageiros

*

Mensageiros


“Todos estamos de visita neste momento e lugar. Só estamos de passagem. Viemos observar, aprender, crescer, amar e voltar para casa.”
Dito aborígene australiano

“Nem com milhões de moedas de ouro se pode recuperar um só instante da vida. Então, não existe tempo desperdiçado, apenas tempo não aproveitado. Chanakya Pandita

“A beleza, quando está mais adornada, é quando não está.” A beleza está no coração e não nos olhos da multidão.
São Jerônimo

O mundo não te deve nada nem tu deves nada a ele. O professor e o aprendiz são frutos de um só criador.
Mark Twain

“A princípio são pequenos, mas no seu percurso fazem-se mais fortes e profundos e, uma vez que tenham começado, já não têm volta. Assim sucede com os rios, os anos e as amizades.”Antigo versículo sânscrito

“Os que sonham de dia têm conhecimento de muitas coisas que escapam aos que sonham de noite.” O homem, porém, é o que sonha ser, não importa se de dia ou de noite. O homem é fruto de seus próprios sonhos.
Edgar Allan Poe

“A beleza não é um atributo das coisas em si. Só existe na mente que as contempla.” Assim como bem e mal são parceiros na evolução.
David Hume

“No fim do jogo, o rei e o peão voltam para a mesma caixa”, mas a mente iluminada transcende o jogo, tabuleiro e a caixa. Anônimo

É fácil apagar as pegadas; difícil, porém, é caminhar sem pisar o chão.” por isso ao caminhar sonhe com flores e suas pegadas serão perfumadas.
Lao-Tsé

“Aprendemos a voar como pássaros e a nadar como peixes, mas não aprendemos a conviver como irmãos.“ Aprendamos a olhar o próximo com os olhos com que Deus nos vê.
Martin Luther King

“Não acrescente dias à sua vida, mas vida aos seus dias.”
Harry Benjamin

“A arte da vida consiste em fazer da vida uma obra de arte.”
Mahatma Gandhi

“Há quem passe pelo bosque e só veja lenha para a fogueira.” Assim são os que passam pela vida como cinzas, sobras dessa fogueira.
Leon Tolstoi

“Uma das grandes enfermidades é não ser ninguém para ninguém.” Pior que isso somente não ser ninguém para si mesmo.
Teresa de Calcutá

“É possível mudar nossas vidas e a atitude daqueles que nos cercam simplesmente mudando a nós mesmos.” dessa forma o mundo que nos cerca muda grandiosamente pela simples mudança do nosso olhar.
Rudolf Dreikurs

Colaboração:
Aylla Harard
Guaratinguetá-SP

Publicado em: SinapsesLinks
http://sinapseslinks.blogspot.com/

Mensagem em PDF:
http://migre.me/1irAp

Ghandi

*

Mahatma Gandhi
aprendamos a orar como ele

Meu Senhor…

Ajuda-me a dizer a verdade diante dos fortes e a não dizer mentiras para ganhar o aplauso dos débeis.

Se me dás fortuna, não me tires a razão.

Se me dás êxito, não me tires a humildade.

Se me dás humildade, não me tires a dignidade.

Ajuda-me sempre a ver a outra face da medalha, não me deixes culpar de traição a outrem por não pensar como eu.

Ensina-me a querer aos outros como a mim mesmo.

Não me deixes cair no orgulho se triunfo,
nem no desespero se fracasso.

Mas antes recorda-me que o fracasso é a experiência que precede o triunfo.

Ensina-me que perdoar é um sinal de grandeza e que a vingança é um sinal de baixeza.

Se me tiras o êxito, deixa-me forças para aprender com o fracasso.

Se eu ofender a alguém, dá-me energia para pedir desculpa e se alguém me ofende, dá-me energia para perdoar

Senhor…se eu me esquecer de ti, nunca te esqueças de mim!

Mahatma Gandhi
*
Colaboração:
Marisa Ferrari – Taubaté-SP
*
Publicado em: SinapsesLinks
http://sinapseslinks.blogspot.com/
*

Mensagem Espírita

*

Mensagem Espírita

“Para mim, as diferentes religiões são lindas flores, provenientes do mesmo jardim. Ou são ramos da mesma árvore majestosa. Portanto, são todas verdadeiras.
A frase que você acabou de ouvir foi dita por uma das mais importantes personalidades do século vinte: Mahatma Gandhi.
Veja quanta sabedoria nas palavras do homem que liderou a independência da Índia sem jamais recorrer à violência.

Nos tempos atuais, são raros os que realmente têm uma posição como a de Gandhi, que manifestava um profundo respeito pela opção religiosa dos outros.
Muitos acreditam que sua religião é superior às demais. Acreditam firmemente que somente elas estão salvas, enquanto todos os demais estão condenados.
Pouquíssimos pensam na essência da mensagem que abraçam, já que estão muito preocupadas em converter almas que consideram perdidas.

E, no entanto, Deus é Pai da Humanidade inteira. Todos nós temos a felicidade de trazer, em nossa consciência, o sol da Lei Divina. Ninguém está desamparado.
De onde vem, então, essa atitude preconceituosa, exclusivista, que nos afasta de nossos irmãos?
Vem de nosso pensamento limitado e ainda egoísta. Quase sempre o homem acredita que tem razão.

Imagina que suas opiniões, crenças e opções são as melhores. Você já notou que a maior parte das pessoas acha que tem muito a ensinar aos outros?
É que, em geral, as pessoas quase não se dispõem a ouvir o outro: falam sem parar, dão opiniões sobre tudo, impõem sua opinião.

São almas por vezes muito alegres, expansivas, que adoram brincar. Chamam a atenção pela vivacidade, pelos modos espalhafatosos, pelas risadas contagiantes e pelas conversas em voz alta.

Mas são raras as vezes em que param para escutar o que o outro tem a dizer.
Como são crianças um tanto egoístas, para quem o mundo está centrado em si ou na satisfação de seus interesses.

É uma atitude muito semelhante a que temos quando acreditamos que o outro está errado, simplesmente por ser de uma religião diferente. É que não conseguimos parar de pensar em nossas próprias escolhas.

Não estudamos a religião alheia, não nos informamos sobre o que aquela religião ensina, que benefícios traz, quanta consolação espalha.
Se estivéssemos envolvidos pelo sentimento de amor incondicional pelo próximo, seríamos mais complacentes e mais atentos às necessidades do outro.
E então veríamos que, na maioria dos casos, as pessoas estão muito felizes com a sua opção religiosa.

A nossa religião é a melhor? Sim, é a melhor. Mas é a melhor para nós.
É obvio que gostamos de compartilhar o que nos faz bem. Ofertar aos outros a nossa experiência positiva é uma atitude louvável e natural.
Mas esse gesto de generosidade pode se tornar inconveniente quando exageramos.
Uma coisa é ofertar algo com espírito fraternal, visando o bem. Mas diferente quando desejamos impor aos demais a nossa convicção particular.
Se o outrro pensa diferente, respeite-o! Ele tem todo o direito de fazer escolhas. Quem de nós lhe conhece a alma? Ou a bagagem espiritual, moral e intelectual que carrega?

Deus nos deu nosso livre arbítrio e o respeita. Por que não imitá-lo?
Enquanto não soubermos amar profundamente o próximo, respeitando-lhe as escolhas, não teremos a atitude de amor ensinada por todas as religiões e pelos grandes Mestres da Humanidade.
*
Autor: não identificado
*
Fonte:
http://www.ilustrado.com.br/noticias.php?edi=260409&id=00000017
*