Conhecimento

*
Por favor, click sobre a imagem para ampliá-la. Grato.
Link permanente para esta mensagem:__ http://wp.me/p1oMor-d65
Mensagem número # 5.734 @ 20120214035151
Visitas recebidas de Março de 2011 à 14/02/2012 = 35.546
Por favor, você pode divulgar o blog? Link: https://sinapseslinks.wordpress.com/
Contato: Leal, e-mail: sinapseslinks@gmail.com
Muito obrigado pela sua importante visita!
*
*

*
*
Conhecimento
*
Termo que designa, em filosofia, o processo pelo qual o sujeito apreende. O conhecimento sensível é adquirido por meio dos sentidos.
O inteligível depende do uso da razão e tem como objeto tipos gerais, e não individuais e concretos.

Pesquisadores:
Agostinho, santo ; Bacon, Roger ; Fenomenologia ; Hume, David ; Husserl, Edmund ; Kant, Immanuel ; Locke, John ; Merleau-Ponty, Maurice ; Pirro de Élida ; Platão ; Popper, Karl ; Positivismo ; Pragmatismo ; Schopenhauer, Arthur
v. tb. Categoria; Empirismo; Epistemologia; Filosofia; Intuição; Lógica

Macro-áreas:

● Aeronáutica e Astronáutica
● Agricultura
● Antropologia
● Arquitetura e Urbanismo
● Arte
● Astronomia
● Biologia
● Botânica
● Ciência e Tecnologia
● Cinema
● Comunicação
● Direito
● Economia, Administração
● Educação
● Esportes e Jogos
● Filosofia
● Física
● Geografia
● Geologia
● História
● Indústria e Engenharia
● Lingüística
● Literatura
● Matemática
● Medicina, Anatomia e Fisiologia
● Meteorologia
● Militares, assuntos
● Mineração e Metalurgia
● Mitologia
● Música
● Música e Dança Populares
● Política
● Psicologia e Psiquiatria
● Química
● Religião
● Sociologia
● Teatro
● Transportes
● Zoologia
*
©Encyclopaedia Britannica do Brasil Publicações Ltda.
*
Acervo do Leal:
C:\#1_Leal\1_WPD\1999\19960101WPD_conhecimento_oo.WPD
*

Anúncios

Conhecimento

*
*
Por favor, click sobre a imagem para ampliá-la. Grato.
*

*
*
Conhecimento
*
Amigo visitante, salve!
Preciso da sua ajuda!
*
Você detém conhecimento filosófico?
Então… preciso da sua ajuda, urgente!
Tenho muitas perguntas… de há muito… pendentes!
Aguardo sua manifestação.
Muito obrigado.
Seja Abençoado!
Fraternalmente,
Leal -71- aprendiz em todas as instâncias da Vida
sinapseslinks@gmail.com
*

Palavras-chaves

*
*

*
*
*
Palavras-Chaves:
*

Alegria
Altruísmo
Amor
Benevolência
Bom Senso
Bondade
Caridade
Compaixão
Compreensão
Conhecimento
Desprendimento
Despretensão
Devoção
Energia
Equilíbrio
Esperança
Ética
Felicidade
Fidelidade
Fraternidade
Harmonia
Honradez
Hospitalidade
Humildade
Igualdade
Indulgência
Integridade
Justiça
Lealdade
Liberdade
Mansuetude
Moderação
Obediência
Prosperidade
Sabedoria
Saúde
Sinceridade
Tranqüilidade
*
Amigo visitante, Salve!
A lista acima está incompleta.
Você pode ajudar?
Aguardo sua manifestação e colaboração.
Muito obrigado.
Leal -71- aprendiz em todas as instâncias da vida
sinapseslinks@gmail.com
*

Conhecimento

*

Conhecimento

Termo que designa, em filosofia, o processo pelo qual o sujeito apreende. O conhecimento sensível é adquirido por meio dos sentidos.
O inteligível depende do uso da razão e tem como objeto tipos gerais, e não individuais e concretos.

Pesquisadores:
Agostinho, santo ; Bacon, Roger ; Fenomenologia ; Hume, David ; Husserl, Edmund ; Kant, Immanuel ; Locke, John ; Merleau-Ponty, Maurice ; Pirro de Élida ; Platão ; Popper, Karl ; Positivismo ; Pragmatismo ; Schopenhauer, Arthur
v. tb. Categoria; Empirismo; Epistemologia; Filosofia; Intuição; Lógica

Macro-áreas:

● Aeronáutica e Astronáutica
● Agricultura
● Antropologia
● Arquitetura e Urbanismo
● Arte
● Astronomia
● Biologia
● Botânica
● Ciência e Tecnologia
● Cinema
● Comunicação
● Direito
● Economia, Administração
● Educação
● Esportes e Jogos
● Filosofia
● Física
● Geografia
● Geologia
● História
● Indústria e Engenharia
● Lingüística
● Literatura
● Matemática
● Medicina, Anatomia e Fisiologia
● Meteorologia
● Militares, assuntos
● Mineração e Metalurgia
● Mitologia
● Música
● Música e Dança Populares
● Política
● Psicologia e Psiquiatria
● Química
● Religião
● Sociologia
● Teatro
● Transportes
● Zoologia
*
©Encyclopaedia Britannica do Brasil Publicações Ltda.
*
Acervo do Leal:
C:\#1_Leal\1_WPD\1999\19960101WPD_conhecimento_oo.WPD
*

Bíblia, livro mediúnico

*

ENSINOU O APOSTOLO PAULO: A BÍBLIA É UM LIVRO MEDIÚNICO

A origem mediúnica das religiões é hoje uma tese provada pelas pesquisas antropológicas e etnológicas.

Só os materialistas a rejeitam.

Os interessados podem estudar o assunto no livro do Prof. Ernesto Bozzano, Fenomini Supranormali e Popoli Primitivi (Edizione Europa, Verona), ou em nosso livro O Espírito e o Tempo, lançado pela Editora Pensamento, nesta capital. A origem da Bíblia é um capítulo natural desse processo geral que originou as religiões. Os leitores podem encontrar material a respeito no livro do prof. Romeu do Amaral Camargo, De Cá e de Lá, no meu livro já citado e em Os 3 caminhos de Hécate, editado pela Edicel.

Mas não pense o leitor que são os espíritas que afirmam a origem mediúnica da Bíblia. Quem afirmou foi o apóstolo Paulo, quando declarou peremptoriamente: “Vós recebestes a lei por mistérios dos anjos”, isto em Atos, 7:53, explicando ainda em Hebreus 2:2: “Porque a lei foi anunciada pêlos anjos”, e confirmando na mesma epístola, l:14: “Espíritos são administradores, enviados para exercer o ministério”. Antes, em Hebreus, l:7, Paulo, depois de advertir que Deus havia falado de muitas maneiras aos profetas, acrescenta: “Sobre os anjos, diz: o que faz os seus anjos espíritos e os seus ministros chamas de fogo”. Está claro que os anjos são espíritos, reveladores das leis de Deus aos homens, como afirma o Espiritismo.

Paulo vai mais longe, afirmando em Atos 7:30-31, que Deus falou a Moisés através de um anjo na sarça-ardente. Veja-se o que ficou dito acima: os anjos são espíritos, ministros de Deus, que o faz chama do fogo, nas aparições mediúnicas.

O reverendo Haraldur Nielson, em seu livro O Espiritismo e a Igreja, ele que foi o tradutor da Bíblia para o islandês, a serviço da Sociedade Bíblica Inglesa, afirma que o Cristo é muitas vezes chamado no Evangelho, no original grego, de “pneuma”, depois da ressurreição. E “pneuma” quer dizer espírito. Da mesma maneira, lembra que Paulo, em Hebreus, 12:9, refere-se a Deus como “Deus dos Espíritos”. Lembra ainda que as manifestações dos Espíritos, nas sessões que realizou com o bispo Hallgrimur Svenson em Reikjavik, eram na forma de línguas de fogo.

Essas manifestações confirmavam que o anjo da sarça-ardente e os fenómenos do Pentecostes foram mediúnicos. O que falta aos acusadores do Espiritismo é estudo. Se pusessem o seu dogmatismo de lado e estudassem um pouco, haveriam de compreender essas coisas. A Bíblia foi inspirada pêlos Espíritos, como mensageiros de Deus, no tocante aos seus livros proféticos, que chamamos de mediúnicos. Os livros históricos e de legislação civil receberam também a colaboração dos Espíritos. A Bíblia, pois, é um livro mediúnico que não pode condenar o Espiritismo, pois estaria se condenando a si mesma.

J. Herculano Pires
*
Fonte:
http://mestreviktor.blogs.sapo.pt/13104.html
*
Publicado em: SinapsesLinks
http://sinapseslinks.blogspot.com/
*