Divaldo Pereira Franco

20150128_Divaldo_Pereira_Franco
*
Divaldo Pereira Franco
*
Substituto do Chico Xavier.
http://abr.ai/1CfRAJU
*

Com uma tiragem de 40 000 exemplares e escrita pela jornalista Ana Landi, será lançada em fevereiro a biografia do sucessor de Chico Xavier, o médium Divaldo Franco, um baiano de 88 anos que diz se comunicar com os espíritos desde os quatro anos, já psicografou 300 livros e adotou 700 crianças.

Colaboração:
Dr. Luiz Carlos Formiga
Rio de Janeiro-RJ

Anúncios

Amar

20150128_Amar
*
Amar
*

O sábio recebeu a visita de um homem que dizia já não amar a sua esposa, e que pensava em separar-se.

O sábio ouviu…

Olhou-o nos olhos, disse apenas uma palavra, e calou-se:
Ame-a

Mas eu já disse: Não sinto nada por ela!!
Ame-a, disse novamente o sábio.

E percebendo o desconforto do homem, depois de um breve silêncio, o sábio explicou:
Amar é uma decisão, não só um sentimento; amar é dedicação e entrega.

Amar é um verbo e o fruto dessa ação é o amor.

O amor é um exercício de jardinagem: arranque o que faz mal, prepare o terreno, semeie, seja paciente, regue e cuide.

Esteja preparado porque haverá pragas, secas ou excesso de chuvas, mas nem por isso abandoneo seu jardim.

Ame o seu par, ou seja, aceite-o, valorize-o, respeite-o, dê-lhe afeto e ternura, admire-o e compreenda-o.

Isso é tudo. Ame!!!
Afinal isso também é tudo o que deseja pra si, não é?

Abandonar uma tarefa no meio é assumir que somos incapazes de solucioná-la e muitas vezes é deixar a parte mais bonita do sonho para outros…

O ser humano vislumbra sonhos sem defeitos, mas os defeitos são justamente o motivo de merecermos realizar um sonho. Se tu desistes de um sonho pela dificuldade de realizá-lo é porque ele não era teu ou tu não o merecias.

A busca sem obstáculo não é uma busca e sim um encontro, mas o encontro é um fim e o fim é tão somente a ilusão que nos permite o recomeço.

Lembra-te sempre que os teus problemas e os teus sonhos são teus deveres ainda não solucionados.

Deves tentar resolver os problemas e realizar os sonhos e só depois, se desejares, podes deixá-los para assumir outros deveres da vida.

O amor não é tão somente um encontro, mas o suave perdão que nos permite a mais leve das despedida, a carícia na alma da missão cumprida.

A inteligência sem amor faz-te perverso.
A justiça sem amor faz-te implacável.
A diplomacia sem amor faz-te hipócrita.
O êxito sem amor faz-te arrogante.
A riqueza sem amor faz-te avaro.
A docilidade sem amor faz-te servil.
A pobreza sem amor faz-te orgulhoso.
A beleza sem amor faz-te ridículo.
A autoridade sem amor faz-te tirano.
O trabalho sem amor faz-te escravo.
A simplicidade sem amor deprecia-te
A lei sem amor escraviza-te.
A fé sem amor deixa-te fanático.
A cruz sem amor converte-se em tortura.
A vida sem amor…não tem sentido.
*
Colaboração:
Aylla Harard
Guaratinguetá-SP