Obrigado Senhor!

Ebih_20120225_Flor_DSC00180

Anúncios

Os Doze Passos de um Grupo de Estudos

*
Link permanente para esta mensagem:___ http://wp.me/p1oMor-fbV
*
20130114_Doze_passos
*
Os Doze Passos de um Grupo de Estudos
*
1. Atuar de modo que a estrutura coletiva mantenha o estado hígido, organizando estrutura de poder que seja coerente com a busca espiritual.

2. Acreditar que a força de uma instituição está na clareza e na nobreza de suas metas; na eficiência dos seus métodos; na intensidade do seu trabalho e na confiança recíproca dos seus membros;

3. Usar ciência e da arte de formar cidadãos conscientes, saudáveis e equilibrados nos seus atos pessoais e sociais;

4. Afastar-se do poder coercitivo, que é mecanismo doentio e privilegiar o poder solidário, aquele que se organiza para facilitar a ajuda mútua;

5. Exercitar a capacidade do trabalho em equipe, procurando se motivar para objetivos e metas do grupo;

6. Desenvolver a inteligência espiritual. Na espiritualidade o ideal é uma individualidade ética, capaz do diálogo, com consciência crítica, livre, criativa e responsável;

7. Liberte-se da ilusão de possuir grande saber, da infalibilidade. Liberte-se também do apego aos cargos.

8. Persevere mantendo foco no objetivo da missão pessoal, lembrando que Jesus lecionou no sentido do atemporal e ilimitado;

9. Assuma a postura de parceiro, voltado para a formação de novos líderes. Com o tempo, a liderança se torna cada vez mais interior e se refere menos aos procedimentos externos, salvo em certos momentos decisivos;

10. Lembre-se que “autoridade” é crédito de competência, oferecido a quem o merece por direito. Ninguém “se torna” autoridade; a pessoa “é tornada” autoridade;

11. Constitua um grupo de trabalho onde a unidade se dê em torno do objetivo comum, onde cada um seja estimulado no seu potencial e nunca se coloque superior ao grupo. Na casa espírita, o modelo é Jesus;

12. São indispensáveis para iluminar o conceito de democracia: conhecimento, trabalho e intenção solidária.
*
Colaboração:
Dr. Luiz Carlos Formiga
Rio de Janeiro-RJ

Martin Luther King

*
Link permanente para esta mensagem:___ http://wp.me/p1oMor-fbN
*
20090115blog_martinlutherking
*
Martin Luther King
*

O perdão é um catalisador que cria a ambiência necessária para uma nova partida, para um reinício.

O que me preocupa não é o grito dos maus. É o silêncio dos bons.

Pouca coisa é necessária para transformar inteiramente uma vida: amor no coração e sorriso nos lábios.

É melhor tentar e falhar, que preocupar-se e ver a vida passar.

É melhor tentar, ainda que em vão que sentar-se, fazendo nada até o final.

Eu prefiro na chuva caminhar, que em dias frios em casa me esconder.

Prefiro ser feliz embora louco, que em conformidade viver.

É errôneo servir-se de meios imorais para alcançar objetivos morais.

AMOR É A ÚNICA FORÇA CAPAZ DE TRANSFORMAR UM INIMIGO NUM AMIGO.

Se soubesse que o mundo se desintegraria amanhã, ainda assim plantaria a minha macieira.

O que me assusta não é a violência de poucos, mas a omissão de muitos.

Temos aprendido a voar como os pássaros, a nadar como os peixes, mas não aprendemos a sensível arte de viver como irmãos.

O que vale não é o quanto se vive…mas como se vive..

Nós não podemos nos concentrar somente na negatividade da guerra, mas também na positividade da paz

Nós não somos o que gostaríamos de ser.
Nós não somos o que ainda iremos ser.
Mas, graças a Deus, não somos mais quem nós éramos.

Suba o Primeiro degrau com fé. Não é necessário que você veja toda a escada. Apenas de o primeiro passo.

Saiba que seu destino é traçado pelos seus próprios pensamentos, e não por alguma força que venha de fora. O seu pensamento é a planta concebida por um arquiteto para construir um edifício denominado prosperidade. Você deve tornar o seu pensamento mais elevado, mais belo e mais próspero.

Cada dia é o dia do julgamento, e nós, com nossos atos e nossas palavras, com nosso silêncio e nossa voz, vamos escrevendo continuamente o livro da vida. A luz veio ao mundo e cada um de nós deve decidir se quer caminhar na luz do altruísmo construtivo ou nas trevas do egoísmo. Portanto, a mais urgente pergunta a ser feita nesta vida é: ‘O que fiz hoje pelos outros?’

O comunismo existe hoje por que o cristianismo não está sendo suficientemente cristão.

O que me preocupa não é o grito dos maus. É o silêncio dos bons.

Mesmo as noites totalmente sem estrelas podem anunciar a aurora de uma grande realização.

Quando os nossos dias se tornarem obscurecidos por nuvens negras e baixas, quando as nossas noites forem mais negras do que mil noites. Lembremo-nos, que no universo ha um grande e benigno poder , que é capaz de abrir caminho onde não há caminho, e de transformar o ontem sombrio num luminoso amanhã.

Se eu poder,ajudar alguém a seguir adiante,alegrar alguém com uma canção,mostrar o caminho certo,cumprir meu dever como cristão,que é divulgar a mensagem que Cristo deixou,então minha vida não terá sido em vão.

Fonte:
http://www.pensador.info/autor/Martin_Luther_King/