Dia das Mulheres!

*

Dia das Mulheres

Quando Deus fez a mulher, já estava nas horas extras de seu sexto dia de trabalho.

Um anjo apareceu e Lhe disse :
– ‘Por que gastas tanto tempo com esta?’
E o Senhor respondeu:
– ‘Você viu minha ‘Folha de Especificações’ para ela? Deve ser completamente flexivel, porém não ser de plástico, ter mais de 200 partes móveis, todas arredondadas e macias e ser capaz de funcionar com uma dieta rigida, ter um colo que possa acomodar quatro crianças ao mesmo tempo, ter um beijo que possa curar desde um joelho raspado até um coração ferido’

O anjo se maravilhou com os requisitos.
– E este é somente o modelo Standard? É muito trabalho para um só dia. Espere até amanhã para terminá-la, Senhor.

-” Não o farei, – protestou o Senhor. Estou muito perto de terminar esta criação, que é a favorita de Meu próprio coração. Ela já se cura sozinha, quando está doente e pode trabalhar 18 horas por dia.”

O anjo se aproximou mais e tocou a mulher.

– Porém a fizeste tão suave, Senhor!
– É suave, disse Deus, porém a fiz também forte. Não tens idéia do que pode agüentar ou conseguir.
– ‘Será capaz de pensar?’ Perguntou o anjo.

Deus respondeu:
– ‘Não somente será capaz de pensar, mas também de raciocinar e negociar, mesmo que pareça ser desligada ela prestará atenção em tudo o que for importante’.

Então, notando algo, o anjo estendeu a mão e tocou a pálpebra da mulher…
– ‘Senhor, parece que este modelo tem um vazamento… Eu Te disse que estavas colocando muitas coisas nela”.
– ‘Isso não é nenhum vazamento… É uma lágrima’, corrigiu-o o Senhor.
– ‘Para que serve a lágrima?’ Perguntou o anjo.

E Deus disse:
– ‘As lágrimas são sua maneira de expressar seu amor, sua alegria, sua sorte, suas penas, seu desengano, sua solidão, seu sofrimento e seu orgulho”.
Isto impressionou muito ao anjo.
– ‘És um gênio, Senhor. Pensaste em tudo.
A mulher é verdadeiramente maravilhosa”.

– “Sim, ela é! A mulher tem forças que maravilham os homens. Agüentam dificuldades, carregam grandes cargas físicas e emocionais, porém, têm amor e sorte. Sorriem, quando querem gritar. Cantam, quando querem chorar. Choram, quando estão felizes e riem, quando estão nervosas. Lutam pelo que acreditam. Enfrentam a injustiça. Não aceitam ‘não’ como resposta, quando elas acreditam que haja uma solução melhor. Se privam, para que sua família possa ter algo. Vão ao médico com uma amiga que tem medo de ir. Amam incondicionalmente quando seus filhos não triunfam e se alegram quando suas amizades conseguem prêmios. São felizes, quando ouvem falar de um nascimento ou casamento. Seu coração se despedaça, quando morre uma amiga. Sofrem com a perda de um ser querido, mas são ainda mais fortes quando pensam que já não há mais forças. Sabem que um beijo e um abraço podem ajudar a curar um coração ferido. Porém, há um defeito que não consegui corrigir:

‘É que às vezes elas se esquecem o quanto valem.’
*
Colaboração:
Alfredo F. Corrêa – São Paulo-SP
*
Publicado em: SinapsesLinks
http://sinapseslinks.blogspot.com/
*
Conheça: Janelas da Alma
https://sites.google.com/site/eudisonleal/Home
*

Liberdade e Livre Arbítrio

*

Liberdade e livre arbítrio

De “O Livro dos Espíritos”, Parte Terceira, capítulo 10 – “Lei de Liberdade”, questões: 825. “Há posições no mundo em que o homem pode se vangloriar de desfrutar de liberdade absoluta? – Não, porque todos necessitam uns dos outros, tanto os pequenos quanto os grandes”; 833. “Há no homem alguma coisa livre de qualquer constrangimento e da qual desfruta de uma liberdade absoluta? – É pelo pensamento que o homem desfruta de uma liberdade sem limites, porque o pensamento desconhece obstáculos. Pode-se deter seu voo, mas não aniquilá-lo”; 843. “O homem tem sempre o livre-arbítrio? – Uma vez que tem a liberdade de pensar, tem a de agir. Sem o livre-arbítrio o homem seria como uma máquina”.

A capacidade de pensar, de imaginar, de sentir e de vivenciar a subjetividade é constituída dentro de cada um, tendo assim uma forma particular, singular, única.

Somente pelo pensamento o homem é capaz de alçar voo com certo desembaraço!

Precisamos aprender a lidar com a dor, com o sofrimento que angustia e acaba prejudicando os nossos naturais mecanismos de defesa; os quais estão encarregados de quebrar as algemas invisíveis que nos prendem, muitas vezes, a sentimentos egoístas e contraditórios.

Refletir sobre a liberdade de que gozamos é algo profundo e complexo, pois ainda não dispomos de certos conhecimentos relativos à Vida.

Todavia, nestas poucas linhas iremos efetuar algumas breves reflexões sobre o tema, no intuito de contribuir com a formatação do nosso pensamento…

Gravitamos em torno de um mundo de provas e expiações e encontramo-nos a ele imantados, através de Leis Superiores que governam o Cosmos.

E que interessante força de atração é essa, que, através do magnetismo, nos impele ao plano equivalente à nossa condição intelectual e, principalmente, moral.

O direito de ir e vir dá à grande maioria dos cidadãos a impressão de uma liberdade ampla, no entanto, a mesma é limitada quando temos, com o advento da Espiritualidade Amiga, a convicção acerca da veracidade que gira em torno da Pluralidade dos Mundos Habitados e da Reencarnação.

No “Evangelho Segundo o Espiritismo”, no Capítulo III – “Há muitas moradas na casa de meu Pai”, encontramos certa tipificação dos mundos. De maneira geral, são eles:
1º) primitivos; 2º) provas e expiações; 3º) regeneração; 4º) felizes e 5º) celestes ou divinos. Contudo, é claro que deve haver diversas nuances entre àqueles com o mesmo molde.

Atualmente, estamos no segundo degrau da escala evolutiva, e, de fato, não nos será permitido ir além sem a aferição de merecimento.

Retroceder, no entanto, é sempre uma opção, mas apenas para os espíritos missionários! Mesmo volvendo na escala dos mundos, estas almas benevolentes não perdem suas aquisições morais e intelectuais, assim contribuindo muito no desenvolvimento dos demais.

Por outro lado, todos nós temos uma importante ferramenta chamada livre arbítrio, ou seja, fazemos escolhas dentro do nosso campo de ação e, naturalmente, nos tornamos responsáveis pelas mesmas.

Onde não existe escolha, não há liberdade. E a escolha sempre supõe duas ou mais alternativas; pois com uma só opção não existe escolha, nem liberdade.

Para conquistar a referida liberdade é preciso que haja constantemente dentro de nós, seres humanos, um trabalho dinâmico com os nossos sentidos e sentimentos, para que assim possamos crescer e conseguir diminuir os nossos medos e decepções…
Mas apesar de usufruirmos de relativa liberdade na Terra, só conseguiremos ampliá-la gravando os ensinamentos de Jesus em nosso pensamento e coração, trabalhando no bem de todos!

Thiago Silva Baccelli é orador espírita, psicólogo clínico e graduado em Direito
*
Fonte:
http://www.jornaldeuberaba.com.br/?MENU=CadernoA&SUBMENU=Opiniao&CODIGO=28731
*
Conheça: Janelas da Alma:
https://sites.google.com/site/eudisonleal/
*

Bruxos!

*

Primer viernes de marzo día de brujos

05 March, 2009 05:19:00

Aseguran los vendedores de artículos esotéricos que la crisis a ellos no les hace mella, ya que debido a esta crisis, muchos creyentes, buscan pócimas mágicas para que obtengan trabajo y que nunca les falte el dinero, desplazando al amor y la salud que se dio mas el año pasado

Por Marcos Miranda Cogco
Reportero de NOTIVER (México)

Aseguran los vendedores de artículos esotéricos que la crisis a ellos no les hace mella, ya que debido a esta crisis, muchos creyentes, buscan pócimas mágicas para que obtengan trabajo y que nunca les falte el dinero, desplazando al amor y la salud que se dio mas el año pasado.

Algunos funcionarios del ayuntamiento de Veracruz, dijeron no creer en ese tipo de cosas, de los 20 entrevistados por este equipo informativo, solo 6 aceptaron que han acompañado a algunos amigos o amigas, pero que ellos en lo particular nunca han ido.

La relación entre política, brujería, magia negra o blanca, esoterismo, numerología, cartomancia y el espiritismo es una realidad que está presente en la vida política mexicana desde hace mucho tiempo, pero de la cual poco se ha hablado, retrato de la clase política mexicana que trasciende lo privado y afecta su ejercicio público. Dice la sinopsis del reciente libro que se publico escrito por José Gil Olmos. Titulado “Los brujos del poder”.

En este libro se pone al descubierto de como políticos tanto del PRI como del PAN desde las mas altas esferas han recurrido a consultas de brujos para que les hagan algún “trabajito”, sin que hasta el momento alguno se los políticos ahí mencionados haya entablado alguna demanda en contra del autor o del mismo brujo entrevistado que los balconea, por lo que se da por hecho que si es cierto lo que ahí se asienta de esos políticos, es decir que si creen en la magia negra y hechicería.

El primer viernes de marzo, en el estado de Veracruz pero particularmente en San Andres Tuxtla, se realizan limpias y misas negras a donde acuden miles de personas entre gente común del pueblo y encumbrados políticos de altos vuelos, eso si de manera mas discreta.

Ya que de acuerdo a la tradición, este día se abre una puerta tridimensional entre lo profano e inmundano con nuestra era terrenal, y es aprovechada por supuestos chamanes o brujos con poderes para poder invocar a los espíritus y que estos hagan o deshagan según sea la petición, es decir que les ayuden a cumplir con la petición del cliente.

Esta vieja tradición se repite año con año, se extendió en casi todo territorio estatal, y hoy en el puerto de Veracruz desde hace muchos años se venden artículos esotéricos en los mercados del puerto.

La demanda de los jabones, lociones, ramos para limpias huevos de pata y totola se incrementan este viernes, pero a diferencia de otros años, la crisis este año no les hará mella a los vendedores de artículos esotéricos.

Ana Luisa Santos, vendedora de artículos esotéricos, en el mercado Hidalgo señaló a NOTIVER que pese a la crisis ellos esperan grandes ventas ya que la mayoría de las peticiones que se hacen este año, precisamente por la crisis es que nunca falte el dinero y el trabajo, desplazando a otras peticiones como la del amor y la salud que eran mas socorridas por estos tiempos.

La señora destacó que esta tradición viene desde la época prehispánica, y que la iglesia católica condena,sin embargo no se puede rechazar la historia “Seguiremos con nuestra tradición, porque esos viene desde nuestros ancestros”.

Reconoció que con el paso del tiempo esta tradición sufrió trasformaciones, ya que desde la era prehispánica ante la falta de medicinas, los chamanes de la época realizaban limpias pero con un sentido medico para curar alguna enfermedad y no para realizar daño alguno.

Con el paso del tiempo esa tradición fue cambiando hasta lo que es hoy en nuestros días, “Lamentablemente esta tradición con el paso del tiempo cambio y hoy a parte de realizar remedios caseros medicinales ese poder se utiliza también para hacer mal como es la magia negra”.

¿Que es lo que mas pide la gente?

Lo tradicional de nuestras abuelas el ramo para el alcohol ya que este ramo sirve para cotar los dolores de cabeza, dolores estomacales o piquetes de insectos, también nos piden muchos los ramos para realizar limpias y quitarse la envidia y que les de buena suerte.

¿Amuletos que le piden?

Trensa de ajo sábilas los cuchillos que son muy eficaces que sirven para cortar las envidias los pleitos y los problemas legales.

¿Que es lo que mas piden?

Piden por el dinero para que nunca falte y por que siempre tengan trabajo que les ayuden a encontrar un buen trabajo y los que no tienen piden conservarlo

¿Y para el amos los amarres no piden?

Si piden pero ya no como antes, hoy se venden mas lo que son los amuletos de la venus perfumes de afrodita de feromonas lo que sirve para atraer, todo sirve pero nada mas hay que tener fe porque si no lo hacen con fe no sirve.

¿Pero piden mas para el dinero o el amor?

No este año están pidiendo mas por para que haya mas dinero y mas trabajo desplazando al amor y la salud, como en otros años la gente pedía mas por la salud.

Asegura la vendedora de artículos esotéricos, que debido a tanta infidelidad, y porque hay mas mujeres que hombres y los hombres que hay son muy raritos, las que mas acuden este primero de marzo son las mujeres.

¿Hay alguna pócima para volver a los raritos mas varoniles o viceversa?

No hay ninguna pócima mágica que podamos volver a los raritos hombres ni viceversa eso ya se trae por naturaleza

¿Oiga y vienen políticos?

Antes venían pero hoy en día mandan a sus chóferes para comprar lo que se necesita, otros van a lugares mas privados pero siguen acudiendo, y si creen aun que públicamente lo nieguen.

¿Y que piden?

Muchas cosas, que les demos protección, que les quitemos a los enemigos, muchas cosas

¿Y pagan bien?

Pagan Súper bien y mas cuando ven los resultados.

Precisó la entrevistada que cada año con año, crecen los creyentes, debido a que no ven resueltos sus problemas, y hoy con la crisis, quienes se encuentran en esta situación recurren a Dios y la magia para poder salir de sus problemas económicos y de todo tipo.

Así es que hoy si usted es de los cree, pues a realizar sus limpias, u lo que sea para que no le hagan ojo o lo envidien, pero si es de los que no cree, siga con su tradición de acudir a la iglesia y a seguir la vigilia.
*
Fonte:
http://www.notiver.com.mx/index.php?news=21767
*

Discernimento

*

Discernimento

Não podemos empregar pessoas que não tenham discernimento.

De trabalhadores carecemos, capazes de trabalhar isoladamente.

Necessitamos de colaboradores, e para isso vos tornardes deveis ser capazes de distinguir o que tem importância do que não a tem.

Poremos muitas vezes à prova o vosso senso comum; – deveis aprender a guiar-vos sozinhos, para que possamos confiar em vós.

Aquilo que de vós carecemos depende da energia da vossa própria mente.

Deveis saber que somente a vós vos cabe decidir o que a personalidade deve aos Nossos discípulos.

Sabei que tendes direito ao melhor do vosso próprio conhecimento – empregai-o, pois, mesmo contra a Nossa
vontade expressa, pois a vossa fé em Nós não deve colidir com o poder inerente a vós próprios.

Deveis desenvolver tão completamente a vossa independência de pensar e de agir, que possais com segurança discemir cuidadosamente, antes de falar, agir ou pensar.

Procedei com discemimento em todas as coisas: os excessos nunca são judiciosos.

Meditai sobre aquilo que vos temos dito – pois, já o sabeis, carecemos de homens que por si mesmos pensem.
*
Fonte, livro: Aos Pés do Mestre
Autor: Krishnamurti
Editora: Pensamento
*
Publicado em SinapsesLinks:
http://sinapseslinks.blogspot.com
*
Janelas da Alma:
https://sites.google.com/site/eudisonleal/
*
Mensagem disponível no formato PDF.
Solicite-a.
Fraternalmente,
Leal
ep-leal@uol.com.br
*