52 Liberdade!

*

Anúncios

52 Martin Luther King Jr

*

MARTIN LUTHER KING JR DAY

15jan2007
Today we celebrate the life and words of
MARTIN LUTHER KING JR.

Please take at least a brief moment to think about our Civil Rights.

Think about where Civil Rights were at before King and the Civil Rights Movement…think about how much has changed since.

And most importantly, think about how much work and growth is still needed.

Fonte: http://jimsmash.blogspot.com/
*
*
***

54 Cometa McNaught

*

Cometa McNaught

De: prof. Dulcidio Braz Jr
Para: ep-leal@uol.com.br
Data: 13/01/2007 19:01
Assunto: Novo cometa no ano novo (Física na Veia! UOL Blog)

Olá Eudison, tudo bem?

Embora a mídia não esteja divulgando (quase) nada, temos neste começo de ano novo um novo cometa descoberto em agosto de 2006 e que está em aproximação com o Sol, ou seja, com cauda e cabeleira grandes para que possa ser observado até mesmo a olho nú.

No hemisfério norte ele vem sendo observado com sucesso e está dando show (tem aparecido com o dobro do tamanho da Lua, cerca de 1 grau).

No hemisfério sul, inclusive aqui no Brasil, o melhor período para observações começou ontem e dura mais uns 15 dias.

Fiz simulações (em computador) da posição do cometa para ajudar na sua localização.

Maiores informações sobre este astro você encontra no Física na Veia!, meu blog: http://www.fisicamoderna.blog.uol.com.br.

Se a chuva der um tempo e o céu abrir, tentarei fotos deste novo astro nos próximos dias.

Tente observar/fotografar você também!

Boas observações.
E um abraço ASTRONÔMICO!

Dulcidio Braz Jr
http://www.fisicamoderna.blog.uol.com.br
*
*
***

50 Amizades!

*

Pedaços de amizade . . .

Penso que o tempo que passamos com cada amigo é o que torna cada amigo tão importante.

As amizades constroem-se com pequenos momentos.

Pedacinhos de tempo que vivemos com cada pessoa.

O importante não é a quantidade de tempo que passamos com cada amigo, mas sim a qualidade de tempo que vivemos com cada pessoa.

Cinco minutos podem ser mais importantes que um dia inteiro.

Assim sendo, existem amizades construídas por sorrisos e dores partilhados; outras pela escola, outras por saídas, cinema e diversão; também existem aquelas que nascem e não sabemos de quê ou por quê, mas sabemos que estão presentes.

Talvez essas estejam fundadas em silêncios partilhados, ou pela simpatia mútua para a qual não encontramos explicação.

Também existem hoje muitas amizades construídas em e-mails, nossas “amizades virtuais”que nos fazem rir, pensar, refletir…

Aprendemos a apreciar as pessoas sem julgá-las pela sua aparência ou modo de ser, sem as poder rotular (como algumas vezes o fazemos inconscientemente). Há amizades profundas que nascem assim.

Saint-Exupéry disse: “Foi o tempo que passaste com a tua rosa que a tornou tão importante”.

Penso que o tempo que passamos com cada amigo é o que o torna tão importante.

Porque o tempo que “perdemos” com os amigos não existe é tempo ganho, aproveitado, vivido.

São recordações para um momento ou para toda uma vida.

Um amigo é importante para nós e nós para ele, quando somos capazes, mesmo na sua ausência, de rir o chorar, de estranhar ou querer estar perto dele para desfrutar da sua companhia.

Podemos ter vários melhores amigos de maneiras diversas.
O importante é saber aproveitar ao máximo cada minuto vivido e ter depois, nas nossas recordações, horas para passar com eles, mesmo estando longe.

“TU ÉS RESPONSAVEL PELO QUE SEMEIAS”.

“… E APRENDE A SEMEAR COISAS BOAS…”

O amigo autêntico é o que sabe tudo sobre ti e continua a ser teu amigo.

Autor: Kurt D. Cobain
*
Colaboração: Ianaê Seabra Pitanguy – São Paulo-SP – Brasil
*
*
****

52 Os Doze Preceitos

*

Os doze passos de narcóticos anônimos

NARANON

Fonte:
Vila Serena
Rua Marseille, 100
Bairro: Vila da Represa
04826-440 – São Paulo – SP

1. Admitimos que éramos impotentes
perante a nossa adicção, que nossas vidas tinham se tornado incontroláveis.

2. Viemos a acreditar que um poder
maior do que nós poderia devolver-nos a sanidade.

3. Decidimos entregar nossa vontade
e nossas vidas aos cuidados de Deus, da maneira como nós O compreendemos.

4. Fizemos um profundo e destemido
inventário moral de nós mesmos.

5. Admitimos a Deus, a nós mesmos e
a outro ser humano a natureza exata das nossas falhas.

6. Prontificamo-nos inteiramente a
deixar que Deus removesse todos esses defeitos de caráter.

7. Humildemente pedimos a Ele que
removesse nossos defeitos.

8. Fizemos uma lista de todos as
pessoas que tínhamos prejudicado, e dispusemo-nos a fazer reparações a todas elas.

9. Fizemos reparações diretas a tais
pessoas sempre que possível, exceto quando fazê-lo pudesse prejudicá-las ou a outros.

10. Continuamos fazendo inventário
pessoal e, quando estávamos errados, nós o admitíamos prontamente.

11. Procuramos, através de prece e
meditação, melhorar o nosso contato consciente com Deus, da maneira como nós O compreendíamos, rogando apenas o conhecimento da Sua vontade em relação a nós, e o poder de realizar esta vontade.

12. Tendo experimentado um despertar espiritual, como resultado destes passos, procuramos levar esta mensagem a outros adictos e praticar estes princípios em todas as nossas atividades.

Só por hoje.
*
*
***