50 Maçonaria

*

AS GOTINHAS DE LUZ DO G.’.A.’.D.’.U.’.

– por Wagner Borges (*)

Que, desde aqueles Planos Celestes, até os vales mais profundos da Terra;
Dos aglomerados galácticos até o fundo dos mares;
Da imensidão da vida até os corações de todos os seres;
Possa descer uma chuva de luz do Grande Espírito.

Que suas gotinhas de compaixão lavem as feridas dos homens.
Que elas limpem as mágoas e dissolvam as emoções tristes.
Que elas cheguem ao centro do espírito, dando-lhe um banho de luz.

Que aquele algo a mais, que não é visto, mas é sentido, possa brilhar em cada ser.
Que a chuva de luz chegue a cada canto, como um encanto lindo.
Que suas gotinhas inspirem os homens para novas canções de vida.

Que, no Céu de todas as egrégoras, do Oriente para o Ocidente, haja mais luz!
Que o Olho da Sabedoria se abra no delta do triângulo luminoso.
Que o Espírito do Cristo abrace todos os construtores e parceiros da vida;
Enchendo de amor os ideais de Liberdade, Igualdade e Fraternidade.

Que, sob os auspícios do Grande Arquiteto Do Universo, os construtores sejam justos!
Que sua chuva de luz lave todo mal e inspire a construção de prédios de luz no mundo.

Que assim seja, no Céu ou na Terra;
Pois o TODO está em tudo!

Que o Olho da Sabedoria mostre a verdade que está no coração de cada um.

Paz e Luz.

(Prece inspirada por um dos amparadores da equipe extrafísica de Ramatís).

P.S.:
Esses escritos foram feitos logo após uma palestra que ministrei numa Loja Maçônica de Curitiba. Ao final da mesma, realizei uma pequena prática de visualização criativa com o grupo presente. Enquanto rolava o lance, percebi pela clarividência um imenso triângulo luminoso (com um olho aberto em sua parte superior) plasmado por cima do templo. Dele emanava uma energia rosa-brilhante, cor bem característica de ondas de amor propagadas, de cima para baixo, abençoando a reunião. Era lindo de se ver e, ao mesmo tempo, emocionante.
E, mais acima dele, no céu, surgiu uma imagem imensa de Jesus com os braços abertos.
O curioso é que coloquei um CD de mantras com uma canção budista, que falava justamente da compaixão, viajando invisivelmente e libertando todos os seres das cadeias do sofrimento.
Ou seja, eu estava num templo maçônico, fazendo uma visualização com uma canção budista, vendo acima, no Astral, um triângulo, com a figura de Jesus mais além e abençoando o lance todo.
Bendita Compaixão, que não vê diferença de sexo, religião ou raça de ninguém, e abençoa a todos incondicionalmente.
Bendita Luz, que não olha a doutrina de ninguém, e que sempre protege a reunião de pessoas ligadas aos objetivos construtivos e benéficos, seja em que grupo for.
Bendito Amor Celeste, que inspira as egrégoras e limpa o coração dos homens.
Bendita Consciência Cósmica, que sempre orienta a manter a mente e o coração abertos na senda dos ideais de Liberdade, Igualdade e Fraternidade.
Agradeço aos amigos maçons e aos guardiões espirituais de sua egrégora, que sempre me recebem muito bem quando realizo palestras em seus templos.
E agradeço ao Grande Arquiteto do Universo, por tudo.

Curitiba, 17 de agosto de 2006.

Notas do Texto:

* G.’.A.’.D.’.U.’. – no contexto maçônico é a abreviatura do “Grande Arquiteto Do Universo”; O Supremo; O Absoluto; Deus; O Todo que está em tudo; Aquele que tudo vê.
* Ramatís – sábio mentor espiritual que opera no extrafísico do Brasil orientando a diversos trabalhos espiritualistas de forma universalista.
* O tema da palestra foi sobre as experiências fora do corpo (projeções da consciência, viagens fora do corpo) e as egrégoras espirituais sobre os templos do mundo.
* A palestra foi realizada na Loja Verdadeira Luz – Número 117, que realizou a mesma em sessão conjunta com a Loja Dezenove de Novembro – Número 87.
* Para ver outros escritos no contexto maçônico, ver o texto “Viajando na Pulsação do Coração do Grande Arquiteto Do Universo”, em minha coluna da revista on line do site do IPPB – http://www.ippb.org.br
* Egrégora (do grego “Egregorien”, que significar “velar”, “cuidar”) – É a atmosfera coletiva plasmada espiritualmente num certo ambiente, decorrente do somatório dos pensamentos, sentimentos e energias de um grupo de pessoas voltado para a produção de climas virtuosos no mundo.
É a atmosfera psíquica resultante da reunião de grupos voltados para trabalhos e estudos baseados na LUZ. Pode-se dizer que toda reunião de pessoas para a prática do Bem e da Virtude (independentemente de linha espiritual) forma uma egrégora específica, uma verdadeira entidade coletiva luminosa, à qual se agregam várias outras consciências extrafísicas alinhadas com aquela sintonia espiritual para um trabalho interdimensional.
Provavelmente foi por isso que Jesus ensinou: “Onde houver dois ou mais em meu nome, aí eu estarei.”
Muitos dizem que não se deve misturar egrégoras de trabalhos diferentes, porém, quando o Amor se manifesta, desaparece qualquer ideologia doutrinária, e só fica o que interessa: a LUZ.
O dia em que os homens despertarem para climas mais universalistas e cosmoéticos, com certeza esse mundo será melhor de viver.
Viva a LUZ, pouco importa o nome, o grupo ou a doutrina que fale dela. E viva os mentores espirituais que ajudam a todos, independentemente de credo, raça ou cultura esposada.

(*) Wagner Borges, projetor-pesquisador, sensitivo, espiritualista e conferencista.
*
Colaboração:
Ir.’. Afonso Hoschriter – GLESP – São Paulo-SP – Brasil
*
Ao Ir.’. Afonso Hoschriter meus agradecimentos pelo envio desta linda e tocante mensagem.
TFA Ir.’.Leal
*
*
***

50 Você é meu Amigo!

*

Você é meu amigo!

Você me dá do seu tempo.
Você me ouve – e me escuta sem que
me sinta julgado.
Você faz com que eu me lembre, rapidamente,
de que tenho qualidades.
Você me ajuda a me curar quando estou sofrendo.
Você me diz a verdade quando ela é útil;
não me diz a verdade quando ela não me ajudará.
Você me mostra, pelo seu comportamento,
tom de voz e sorriso, que é importante para você
que me sinta seguro, confortável, à vontade.
Você me mostra que fica triste quando fere
os meus sentimentos; você permite que eu
mostre que lamento quando firo os seus.
Você não abusa de mim. Nunca. Assegura-se
de que eu saiba que procura proteger-me.
Você me faz pequenas surpresas.
Você encontra palavras que ressaltam
o que há de melhor em mim.
Você me deixa chorar quando tenho necessidade.
Você me encoraja a lhe dizer a verdade
e a admitir quando estou com medo.
É verdade, você é meu amigo e eu preciso de você.

Autor não Identificado
*
*
***

52 Eu Te Amo

*

Os diversos caminhos para dizer “eu te amo”

Por Roberto Shinyashiki

O ser humano só pode existir em paz consigo mesmo se puder se relacionar com uma pessoa a quem diga, com palavras e gestos, “eu te amo” e de quem ouça com total sinceridade: “Eu também te amo”.

Amar supõe evoluir todos os dias e conhecer o outro cada vez melhor

Mas amar supõe evoluir todos os dias, conhecer o outro cada vez melhor, construir com ele um lugar no mundo em que as pessoas, ao entrar, sentirão que ali existe vida, carinho sincero, vontade de acertar.

Nos momentos de crise ou de mágoa, dizer “eu te amo” ao parceiro é ter a coragem de lhe dizer que ele fez algo de que você não gostou. Nos momentos de alegria e êxtase, dizer “eu te amo” é saber compartilhar essa alegria com quem você ama, abrindo seu coração sem reservas. Nos momentos de dor, dizer “eu te amo” é talvez não dizer nada, mas deixar evidente ao outro que você está ao seu lado aconteça o que acontecer. Nos momentos em que você perceber que errou, a melhor maneira de dizer “eu te amo” é simplesmente dizer: “Desculpe pelo meu erro”. Nos momentos em que o outro errou, e está triste porque cometeu o erro, a melhor maneira de dizer “eu te amo” é se aproximar lentamente dele, colocar a mão em seu ombro e dizer suavemente: “Tudo bem, já ficou para trás”.

Amar pode dar certo é a frase mais simples possível para traduzir a convicção de que nascemos para amar e ser amados, e que nossa felicidade consiste em realizar essa missão.

Todos os seres humanos possuem um grande objetivo na vida: viver em estado de pleno amor. Talvez poucas pessoas estejam conscientes da importância que o amor tem ou pode ter em sua existência. Alguns vivem o amor em sua plenitude pelo simples fato de dispor dele em abundância. Aprenderam a amar, a se entregar ao ser amado e a estabelecer relacionamentos criativos.

Permita-se assumir o risco de demonstrar seu amor, mesmo que a outra pessoa não vá aceitá-lo, porque amar alguém não é um problema nem um defeito; é uma virtude. Se ela não aceitar o seu amor, o problema não é seu, pois, uma vez que você descobriu o jeito de amar, ficará faltando apenas encontrar um companheiro para a viagem a dois.

Olhar para o passado é importante. Quem não sabe de onde veio e o que fez também não sabe para onde vai e o que vai fazer. Mas eu gostaria, sobretudo, que você olhasse para o seu presente, para a pessoa que está ao seu lado, e repetisse em seu coração alguma frase ou idéia que achou mais importante dentre tudo o que leu aqui.

Se você está só, abra o seu coração, coloque um sorriso no rosto, retome o brilho nos olhos e acredite que a vida lhe prepara maravilhosas surpresas. Tenho a esperança de que com esta nossa conversa você tenha conseguido mais energia e inspiração para desfrutar melhor o amor, uma realidade valiosa demais para ser banalizada.

E lembre-se: você é o autor da sua vida e é capaz de escrever uma história de amor muito linda, na qual receba e dê muito amor. Saiba sempre que amar pode dar certo, desde que você cuide do amor com muito carinho e sabedoria.

O amor é eterno e maravilhoso em sua essência, capaz de realizar as mais importantes transformações em um ser humano, mas as pessoas atualmente se machucam muito porque não aprenderam a amar de uma forma plena.

O problema não está no amor. O ser humano não consegue ser feliz sozinho. Desistir de amar é deixar de lado uma parte fundamental da própria vida, e por isso mesmo é triste ver tantas pessoas tratarem o amor com desprezo, acharem as manifestações de romantismo algo feio e, principalmente, desistirem de viver um grande amor.

Chega de pessimismo!

Vale a pena amar, acreditar no amor, entregar-se ao amor. O otimismo no amor significa acreditar que, apesar de todas as dificuldades, o amor satisfaz os nossos mais profundos desejos de compreender e ser compreendido, de valorizar e ser valorizado, de dar e receber. Por favor, acredite sempre no amor e respeite a sua vocação para amar e ser amado.

Estou torcendo por você.

Roberto Shinyashiki é psiquiatra, escritor e conferencista
*
Fonte: http://www1.uol.com.br/vyaestelar/eu_te_amo.htm
Colaboração:
Klyvian Flores Camargo Leal – São Paulo-SP – Brasil
*
*
***

52 A Família Humana

*

Família Humana

“A regra de ouro consiste em sermos amigos do
mundo e em considerarmos como uma toda a família
humana. Quem faz distinção entre os fiéis da
própria religião e os de outra, deseduca os
membros da sua religião e abre caminho para o
abandono, a irreligião.”

“O amor é a força mais abstrata e também a mais
potente que há no mundo.”

Gandhi
*
Colaboração: Luciano Almeida Peruci – São Paulo-SP – Brasil
*
*
***

52 O Instinto

*

O Instinto

Encontrei 74 vezes a palavra “instinto” no Livro dos Espíritos.
Kardec fez foco neste assunto.

Aqui estão alguns apontamentos referentes à pesquisa que realizei em 2003 sobre o Instinto.

Livro dos Espíritos Publicado em: 1857
Allan Kardec aos 53anos. (1804-1969)
*
1a. Parte: Das Causas Primárias
2a. Parte: Do Mundo Espírita ou Mundo dos Espíritos
3a. Parte: As Leis Morais
4a. Parte: . Das Esperanças e Consolações
*
1a. Parte: Das Causas Primárias
Capítulo IV Princípio Vital
Item III. Inteligência e Instinto

Questão 73 (página 63)
O instinto independe da inteligência?
R: “Precisamente, não, por isso que o instinto é uma espécie de inteligência: é uma inteligência sem raciocínio, pela qual todos os seres provêm às suas necessidades.”
*
Livro: A Presença de Deus
Autor: Richard Simonetti
Tema: Software Para a Eternidade – pág. 135

• Um dos inventos mais prodigiosos, do século é o computador;
• O computador está presente nos lares, nas comunicações, veículos;
• Cálculos relacionados com a astronomia demandam meses;
• Johannes Kepler levou 4 anos p/calcular órbita de Marte;
• O computador hoje calcula em 4 segundos;
• O computador fala e ouve;
• O computador não tem inteligência;
• Só faz o que mandamos, segundo as características do soft;
• Software forma um sistema de rotinas e funções;
• O instinto: é uma programação para os seres vivos:
conservação, reprodução, prole, hábitat, sociedade;
• Nenhuma espécie animal precisa de orientação para acasalar;
• As aves migratórias viajam milhares de km todo ano;
. Na Piracema, os cardumes vão para a nascente dos rios;
. Quem orienta as aves e os peixes? R: ninguém;
. Eles obedecem a um software da sua consciência embrionária;
• (Leal – glândula Píneal – hormônios do tempo);
. Em algumas espécies há o instinto gregário;
• A sociedade das abelhas;
• Sociedade organizada: operárias, guerreiras, rainha;
• As abelhas não tem políticos, obedecem ao software embrionário;
• Característica marcante das espécies: a imutabilidade relativa;
• Exemplo: as baratas, são fósseis vivos, vivem há milhões anos;
• A programação de cada espécie é um segredo guardado nos Genes;
• Os Espíritos Superiores têm acesso ao “Painel de Controle”;
• O homem começa a interferir na intimidade dos Genes;
• Projeto Genoma – decodificação do DNA;
• O homem poderá alterar característica;
• O problema está nas suas motivações $ e competência;
• O homem cuida de interesses imediatistas;
• Homem, aprendiz de feiticeiro – forças que desconhece;
• O homem age institivamente, dando vazão a inferioridade;
• É chegado o tempo de deixarmos o comportamento institivo;
• O comportamento institivo, próprio da infância espiritual;
• É preciso promover as transformações íntimas que façam resplandecer nossa natureza espiritual como filhos de Deus.

“Tem assim o homem duas naturezas: pelo corpo, participa da natureza dos animais, cujos instintos lhe são comuns: pela alma, participa da natureza dos Espíritos.” Allan Kardec

”O instinto não raciocina; a razão permite a escolha e dá ao homem o livre-arbítrio.”

“O instinto varia em suas manifestações, conforme às espécies e às suas necessidades.”

“Também há Espíritos que são bons ou maus desde a origem, com a diferença capital de que a criança tem instintos já inteiramente formados.”
.
Encontrei 74 vezes a palavra “instinto” no Livro dos Espíritos. Kardec fez foco neste assunto.

Curso de Psicobiofísica:
“Quando falamos de comportamento no reino animal, ele é primariamente devido ao instinto, pode se fazer uma correspondência biunívoca entre o instinto e o gene.

O evangelho segundo o espiritismo tem um frase que diz o seguinte:
“O sangue resgata o espírito, e o espírito resgatará o homem da matéria”.
*
Documento original do Leal: WPD03011615.45y 16/01/2003
*
Caro leitor deste blog.
Agradeço sua presença e solicito sua colaboração.
Você pode opinar sobre o Instinto?
Você tem sugestões de onde mais informação possa ser colhida?
Estes apontamento te foram úteis?
Muito obrigado,
Fraternalmente,
Leal – ep-leal@uol.com.br
*
*
***

52 Relacionamentos

*

RELACIONAMENTOS

“Talvez um dos maiores desafios nos relacionamentos é não se deixar influenciar pelas negatividades.
Absorver as fraquezas dos outros significa acumular desperdício dentro de mim. Se deixo entrar algo que não me pertence, uma batalha interna é travada e minha virtude se vê afetada.
Para manter a economia nos relacionamentos preciso trabalhar como o garimpeiro, que em sua busca incansável sempre encontra ouro no casca-lho.
Preserve sua virtude e descubra a virtude nos outros”
Fonte: BRAHMA KUMARIS
http://www.bkumaris.com.br
*
*
***

52 Luz

*

LUZ

“Não existe nenhum instrumento capaz de produzir escuridão.
Ela é simplesmente a ausência de luz. Um sinal de que algo está faltando. Ou uma névoa que está impedindo uma visão mais clara da situação. Mas a luz para iluminar o caminho está bem próxima: dentro de nós. Somos seres de luz. Quando conseguimos acender a percepção das nossas qualidades, todo o cenário se transforma.
A vida adquire novas nuances. A alma humana se inunda de beleza”
Fonte: BRAHMA KUMARIS
http://www.bkumaris.com.br
*
*
***